Não é óbvio

Não é óbvio

Pra que tanta pressa?

O profundo demora

De onde vem tanta certeza?

Nada é óbvio

 

Precisa de evidências?

As provas são contestáveis

Esquece as garantias

O essencial é fugidio

 

Se enxerga só o explícito

O mistério te cega

O compreensível conforta

Mas a sabedoria se esconde

 

Melhor discutir o notório

Refutar o previsível

Nem toda clareza do mundo

Nos desvenda

 

Nosso modo de ser é relativo

Duvidoso

Questionável

E, felizmente,

Mutável

 

Comentários